Copo de Cólera (Raduan Nassar)

sábado, 14 de maio de 2011 |


Copo de Cólera é uma novela divida em sete partes. Segunda publicação de Raduan Nassar, autor de Lavoura Arcaica. Primeiramente o que transparece na obra é o erótico. O autro descreve com maestria e sem cair no piegas e no pedante. O texto é sensual e nunca se aproxima da vulgaridade. O jogo de pensamentos do narrador também é um elemento genial dentro da obra. Narrada em primeira pessoa pelo personagem principal, a trama se passa em uma dia de um casal que se encontrada na casa de campo dele. O destaque da obra se dá no dialógo final no episódio entitulado Esporro em que notamos a maestria do autor na condução de um diálogo longo sem cair na monotonia e um uso de intertextualidades interessante. Obra para ser lida de um fôlego só.

Na modorra das tardes vadias na fazenda, era num sítio lá do bosque que eu escapava aos olhos apreensivos da família; amainava a febre dos meus pés na terra úmida, cobri meu corpo de folhas e, deitado à sombra, eu dormia na postura quieta de uma planta enferma vergada ao peso de um botão vermelho; não eram duentes aqueles troncos todos ao meu redor, velando em silêncio e cheios de paciência meu sono adolescente? que urnas tão antigas eram essas liberando as vozes protetoras que me chamavam da varanda? de que adiantavam aqueles gritos, se mensageiros mais velozes, mais ativos, montavam melhor o vento, corrompendo os fios da atmosfera? ( meu sono, quando maduro, seria colhido com a volúpia religiosa com que se colhe um pomo).
 http://www.4shared.com/document/0hQWvBJS/Raduan_Nassar_-_Copo_de_Clera.html

Marcello M.

2 comentários:

DEXPEX_{Amar Yasmine} disse...

Olá!

Adoro Raduan Nassar, suas obras são magníficas.
Vim correndo aqui para comentar quando vi, na atualização dos blogs que eu sigo, o "Cabeceira Digital" com um post sobre o escritor... não resisti e vim correndo.

Me perdoe o atrevimento, mas está faltando um escritor na sua lista, Yukio Mishima. Ele é extraordinário e fascinante. Experimente ler "O Marinheiro que perdeu as graças do mar", "O templo do Pavilhão Dourado", "Confissões de uma máscara" etc.
Tenho certeza que vai gostar.

Parabéns pela escolha e obrigada por compartilhar.

Doces besos

DEXPEX_{Amar Yasmine}

Camila F. disse...

só um detalhe: o trecho destacado é de "Lavoura arcaica", não de "Um copo de Cólera".